Austrália passará a ter paridade para as seleções feminina e masculina.

Austrália passará a ter paridade para as seleções feminina e masculina.

6 de novembro de 2019 0 Por Jogando Com Elas

(Foto: Divulgação / Chicago Red Stars)

 

Anúncio foi feito nesta quarta-feira (06), pela Federação do país.

 

O que era tão discutido e buscado, inclusive com grande apelo da principal jogadora da Austrália, Sam Kerr, foi acordado. A partir de agora, conforme divulgação feita pela Federação Australiana de Futebol (FFA), nesta quarta-feira (06), a seleção feminina do país passará a ter as mesmas condições de trabalho que os atletas da masculina. 

O acordo está assegurado devido a uma convenção coletiva assinada no dia de hoje, e que terá duração de quatro anos. Ao longo deste período, as seleções feminina e masculina dividirão igualmente os 24% das receitas publicitárias geradas pelo futebol australiano, destinadas aos atletas. 

“O futebol é o esporte de todo o mundo e esta nova convenção coletiva constitui um passo a mais em direção à adoção de valores de paridade, integração e igualdade de chances”, declarou Chris Nikou, presidente da FFA. 

O contrato, “único” no mundo do futebol segundo o diretor-geral da Associação dos Jogadores Profissionais do país, John Didulica, garantirá o salário mínimo igual, viagens somente em classe executiva e a mesma estrutura de trabalho.