Do sonho à realidade: Conheça a meio-campista Maglia e toda sua paixão pelo futebol

Do sonho à realidade: Conheça a meio-campista Maglia e toda sua paixão pelo futebol

24 de janeiro de 2020 0 Por Jogando Com Elas

(Foto: Instagram Pessoal / Maglia)

 

Em entrevista exclusiva ao JCE, a jogadora falou sobre a escolha pelo futebol, sua carreira e as metas para 2020.

 

Hoje, Maglia olha para trás e vê que a insistência e dedicação para com o futebol valeu a pena. Apaixonada pelo esporte desde a infância, a meio-campista viu através do pai o sonho de se tornar jogadora, ao acompanhá-lo em jogos da várzea. Já sua mãe, foi a motivação para prová-la que o desejo poderia não ficar somente em planos, mas tornar-se realidade. 

 

O início

Natural de São Paulo, Maglia Amelly Soares de Lima iniciou sua trajetória no futebol logo cedo, aos 9 anos, treinando junto a um time masculino. Foi somente seis anos depois, já com 16, que a atleta ingressou em uma equipe feminina. Em 2012, no São José, de São José dos Campos-SP, ela confirmou o que quando criança apenas sonhava: ser jogadora profissional.

Além do time do interior paulista, a jogadora também soma passagens por Santos, Corinthians e, agora, Ferroviária. Em títulos, Maglia já levantou a taça do Brasileirão duas vezes. 

Mas quem a olha hoje, campeã brasileira, jogando em uma das melhores equipes da modalidade, não enxerga como foram os desafios encontrados para conquistar seus objetivos. Preconceito, lesões e, principalmente, a falta de formação tornaram a jornada ainda mais complicada. “Sem base nenhuma quando éramos menores, nosso corpo sofre um pouco mais até chegar na forma física ideal”, afirma a jogadora.

 

Por mais investimento no futebol feminino

Outro ponto destacado por Maglia é a obrigatoriedade dos clubes em ter elencos femininos. Para ela, por mais que faltem pessoas engajadas, o futebol feminino vem mudando e se aperfeiçoando ao longo do tempo, algo claramente visível desde que começou a praticar o esporte. “O ano passado muito especial pra modalidade, houve um crescimento e uma maior visibilidade, fazendo com que as equipes investissem mais em 2020”, destacou. 

 

“Sem dúvida o momento mais marcante da minha carreira”

O ano de 2019 que não ficou marcado só no sentido figurado. Para Maglia, a temporada passada foi, sim, a melhor de todo o caminho trilhado, até então, no futebol. Após um começo conturbado, a jogadora terminou levantando a taça do Campeonato Brasileiro.

(Foto: Instagram Pessoal / Maglia)

 

“Algumas pessoas duvidaram da classificação na primeira fase, mas o grupo sabia o que queria e buscamos trabalhar cada dia mais”

A árdua campanha da Ferroviária no Brasileirão de 2019 foi recompensada no momento certo. Depois de quase não conseguir a classificação para o mata-mata, a equipe da Araraquara cresceu na segunda fase da competição e foi eliminando seus adversários e um por um. “Deixamos de lado as dificuldades passadas e nos fortalecemos a cada jogo, com muito foco no objetivo de sermos Campeãs. Graças a Deus, com muita luta, conseguimos esse grande feito, o que dá um gostinho melhor no final.”

(Foto: Instagram Pessoal / Maglia)

 

Resiliência: a palavra de ordem em 2019

Após o título nacional, as expectativas se voltaram para a última competição do ano: a Copa Libertadores da América. Contudo, em Quito, no Equador, o resultado não foi o almejado. Apesar da boa campanha, a Ferrinha deixou o título escapar na grande final. Competição de tiro curto, considerada muito difícil por Maglia, a atleta destacou a altitude como fator negativo e que contribuiu para elevar ainda mais as adversidades dentro de campo.  

Segundo a meio-campista, a perda do título para o Corinthians teve, sim, um gosto de revanche por parte das adversárias. “Já havíamos nos enfrentado (confrontos contra o Corinthians) pelo menos cinco vezes ao longo do ano e a final foi outro belo jogo. Elas conseguiram o resultado nos últimos 20 minutos. Faz parte. Acredito que fizemos um belo trabalho lá (na Libertadores) também”, avalia a jogadora.

(Foto: Instagram Pessoal / Maglia)

Meta para 2020

Por fim, a poucos dias do início do Campeonato Brasileiro, Maglia falou sobre as metas projetadas para 2020. Segundo a jogadora, os torcedores podem esperar uma equipe mais forte e consolidada. “Temos objetivos de chegar (longe) nas três competições que são de grande importância dentro da modalidade (Paulista, Brasileiro e Libertadores). Queremos nos manter no topo e vamos em busca disso”, finaliza.

Maglia ao receber o prêmio de Melhor Meia do Brasileirão A1 (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)