Inter e São Paulo decidirão a primeira edição do Brasileirão Sub-18.

Inter e São Paulo decidirão a primeira edição do Brasileirão Sub-18.

8 de outubro de 2019 0 Por Jogando Com Elas

(Foto: Denir Simplício | Rubens Chiri / saopaulofc.net)

 

Veja a campanha e os destaques das equipes. 

 

O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino Sub-18 está chegando em sua reta final e, para a sua grande decisão, contará com duas equipes de alto nível, com ótimas campanhas traduzidas em números e resultados, para disputar o título: Internacional e São Paulo. 

Pensando nisso, o Jogando Com Elas trará o que de melhor foi realizado pelos dois clubes, uma atleta destaque de cada e o que pensam Camilla Orlando, técnica colorada, e Thiago Viana, comandante são-paulino, antes desta histórica final nacional das categorias de base.

 

Internacional

(Foto: Mariana Capra / S.C Internacional)

As Gurias Coloradas, como são chamadas, chegam para essa final com 72,7% de aproveitamento. Em 11 partidas disputadas, foram sete vitórias, uma derrota e outros três empates. A equipe marcou 37 gols e sofreu nove. 

 

1ª fase – Grupo B 

Nos confrontos da primeira fase, válido pelo grupo B, com sede em Flores da Cunha, no Rio Grande do Sul, o clube gaúcho somou 14 pontos, ao vencer quatro partidas e empatar outras duas, ficando, assim, com a primeira colocação. 

Internacional 4 x 2 Corinthians;
Chapecoense 1 x 1 Internacional;
Internacional 5 x 0 Ferroviária;
Ferroviária 2 x 3 Internacional;
Internacional 0 x 0 Chapecoense;
Corinthians 0 x 8 Internacional.

 

2ª fase – Grupo G

Já pela segunda fase, também disputada em Flores da Cunha-RS, as Gurias Coloradas venceram duas partidas e perderam uma, avançando para a semifinal com seis pontos e na segunda posição do grupo G.

Santos 2 x 1 Internacional;
Internacional 6 x 1 Flamengo;
Internacional 3 x 0 Vitória.

 

Semifinal

Antes de chegar a decisão, o Internacional ainda enfrentou o Iranduba pela semifinal e com uma goleada no confronto de ida, em casa, e outro empate na partida de volta, garantiu a vaga na grande final. 

Internacional 5 x 0 Iranduba;
Iranduba 1 x 1 Internacional.

 

(Foto: Arquivo Pessoal / Camilla Orlando)

Fala Camilla: Treinadora colorada, em seu primeiro ano à frente do clube, Camilla Orlando se diz contente e motivada por chegar na final da competição: “A gente já escreveu o nosso nome na história do campeonato, é uma alegria muito grande. Mas claro estamos nos preparando para conseguir fechar esse campeonato com chave de ouro”. Já sobre a decisão, a técnica afirma que a concentração precisa ser do primeiro ao último minuto, sobretudo em um confronto equilibrado e de altíssimo nível. “Chegamos em um momento em que não podemos mais errar, temos que jogar futebol e estar preparados porque o São Paulo também vai jogar futebol”.

 

(Foto: Arquivo Pessoal / Julia Daltoé)

Pode decidir: Julia Daltoé pode muito bem decidir a final para o lado vermelho. A meio-campista colorada, que também já atuou pelo elenco profissional, e com passagens pela seleção de base, foi uma das jogadoras que mais se destacou ao longo da competição, além de ser a artilheira da equipe no Brasileirão Sub-18 com 9 gols. 

 

São Paulo

(Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Do outro lado desta decisão, está o tricolor paulista, que também fez belas atuações e chega para a final ainda sem perder. Ao todo, foram nove vitórias e dois empates, tendo um aproveitamento de 87,7%. Em 11 partidas, o time marcou 32 gols e sofreu quatro. 

 

1ª fase – Grupo C

O São Paulo, na primeira fase, foi arrasador. Sem dar chances para as adversárias, venceu todas as partidas, somou 18 pontos e se classificou na primeira colocação do grupo C, que teve sua sede em Bálsamo, em São Paulo.

São Paulo 3 x 0 Cruzeiro;
Botafogo 0 x 2 São Paulo;
Ponte Preta 0 x 8 São Paulo;
São Paulo 1 x 0 Ponte Preta;
São Paulo 3 x 0 Botafogo;
Cruzeiro 0 x 4 São Paulo.

 

2ª fase – Grupo H

Pela segunda fase, cuja também foi realizada em Bálsamo-SP, a equipe paulista ficou em segundo lugar do grupo H, vencendo duas partidas e empatando uma, totalizando sete pontos. 

São Paulo 3 x 1 Fluminense;
Iranduba 1 x 1 São Paulo;
São Paulo 2 x 0 Vasco da Gama.

 

Semifinal 

Na semifinal, um clássico contra o Santos pela frente. No confronto de ida, um empate, já na volta, fora de casa, as são-paulinas atropelaram as rivais, garantindo a vaga para a decisão do Brasileirão Sub-18.

São Paulo 1 x 1 Santos;
Santos 1 x 4 São Paulo.

 

(Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Fala Thiago: Comandante do São Paulo, Thiago Viana destacou o fato de chegar a essa final, como mais uma meta atingida com o clube, além de se referir a tal feito como uma honra. Contudo, reforçou a dificuldade do embate que espera sua equipe: “A gente sabe que a tendência é que o time que errar menos dentro desse jogo tão equilibrado, que tende a ser, é o time que vai levantar o troféu. Então estamos buscando fortalecer cada vez mais a nossa ideia de jogo”. Sobre favorito, o treinador afirmou que não existe, muito devido às boas campanhas e qualidade de ambas as equipes, mas afirmou que, muito mais do que chegar na final, o grupo quer “conquistar esse brasileiro também”.  

 

(Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Pode decidir: Simbolizando a defesa são-paulina como um todo, a menos vazada da competição, quem pode decidir para o lado tricolor nesta grande final é a goleira Marcelle Freitas. Com passagens pela seleção de base, a jogadora foi importante em diversos momentos, com grandes defesas, destacando-se ao longo do campeonato. 

 

Confira as datas, horários e locais para os confrontos:

Os primeiros 90 minutos da decisão, acontecerá amanhã, quarta-feira (09), às 16h, no Estádio do Sesc Campestre, em Porto Alegre. Já a volta está marcada para quinta-feira da próxima semana, dia 17, às 15h, no Estádio Pacaembu, em São Paulo.