Quatro jogadoras da China perderão Pré-Olímpico devido ao coronavírus

Quatro jogadoras da China perderão Pré-Olímpico devido ao coronavírus

29 de janeiro de 2020 0 Por Jogando Com Elas

(Foto: Reprodução / Internet)

 

Atletas terão que ficar de quarentena.

 

A China não poderá contar com quatro jogadoras para a disputa da fase de grupos do Pré-Olímpico asiáticos para o Jogos de Tóquio. Segundo informações da Federação do País (CFA), as atletas ficarão de quarentena em virtude ao surto do coronavírus. 

Embora não estejam apresentando sintomas da doença, a precaução para o controle da epidemia se dá devido as cidades de onde as atletas são oriundas. Wang Shuang, Yao Wei e Lu Yueyun são de Wuhan, epicentro do surto do vírus. Já Li Mengwen é de Zhejiang, segunda província mais afetada.

Sem a liberação das autoridades chinesas, as quatro jogadoras terão de ficar em casa para excluir todas as chances de terem sido infectadas. Já o restante do grupo e a comissão técnica que viajaram à Austrália para a competição, apresentaram resultado negativo no exame realizado. 

Os jogos do grupo B, que conta com a participação de China, Austrália, Taiwan e Tailândia também sofreram modificações. Com o surto do vírus, a competição será realizada em Sidney, na Austrália, e não mais em Wuhan, cidade chinesa. A mudança ocorreu após decisão envolvendo a CFA e a Confederação Asiática de Futebol (AFC).

Divididos em grupos A e B, as duas melhores equipes de cada chave avançam para a semifinal. Os finalistas garantem a vaga para as Olimpiadas deste ano, juntamente com o Japão, que entrará como país anfitrião.